top of page
  • Foto do escritorJosi̊ Sàldanha

HOLÍSTICOnews | Pessoas que nascem no mês de outubro

A partir de agora vou fazer uma análise numerológica cabalística das pessoas nascidas no mês corrente

A ideia surgiu de uma forma inusitada: sou fã de História (parei uma graduação no meio do caminho e pretendo retomá-la um dia) e estou pesquisando o passado remoto do meu bairro, Jardim Sulacap. Quando acessei o site do nosso cemitério, me deparei com uma surpresa: um cantor popular, da década de 1980, que eu gostava muito, está enterrado aqui. Ronaldo Resedá (16/10/1945 – 12/09/1984), não era carioca, não faleceu aqui no RJ, mas foi enterrado no bairro onde moro e eu descobri isso justamente no dia que seria aniversário dele: 16 de outubro próximo passado! Dessa forma, em sua homenagem, vou começar as análises a partir do mês que ele nasceu.

O mês em que nascemos define as vibrações do nosso Primeiro Ciclo de Vida. Portanto, quem nasce/nasceu em outubro, tem como regente do seu Primeiro Ciclo de Vida o número 1. Temos 3 Ciclos de Vida (Formativo, Produtivo e o da Colheita e Compartilhamento). A duração de cada um depende não só do mês de nascimento, mas também de outros fatores, como o número do Destino, no caso do Primeiro Ciclo.

O Primeiro Ciclo de Vida é chamado de “Ciclo Formativo”, pois ele revela como será essa primeira etapa da vida da pessoa, incluindo: o nascimento nesse plano terrestre, a infância, a adolescência, a juventude até a chegada da maturidade. Interessante frisar que, quanto maior for o número do Destino, mais rápido a pessoa chegará à maturidade. Por exemplo, o meu caso: meu Destino é 22, o maior de todos. Devido a isso, eu entrei na maturidade com apenas 15 anos de idade! Já uma pessoa que tem o Destino 1, somente entrará na maturidade aos 36 anos! O Primeiro Ciclo de Vida também mostra como serão as primeiras experiências nesta vida junto com a influência da família.

Como eu disse anteriormente, quem nasce no mês de outubro, tem as vibrações do número 1 (outubro é o mês 10 = 1+0 = 1). Tais vibrações estarão ativas desde o seu nascimento até a entrada na maturidade, na vida adulta, numerologicamente falando.

Sob a regência das vibrações do número 1, o Primeiro Ciclo de Vida de quem nasce em outubro, mostra-se um período difícil para a criança, pois esta precisa aprender a desenvolver a sua individualidade.

Durante esse período, principalmente entre o nascimento e os 14 anos de idade, a experiência emocional da criança/adolescente, dentro do seu ambiente familiar, mostrará um sentimento de carência ou de ausência da figura paterna (estando o pai presente ou ausente, física e/ou emocionalmente, pois é um sentimento/emoção, que tem a ver com as percepções da criança).

Na fase seguinte, adolescência, a tendência é que a pessoa aflore, por um lado, um sentimento de insegurança ou, por outro lado, uma rebeldia acentuada, que poderão (um ou outro), inclusive, ocasionar dificuldades para descobrir a sua vocação, ficando sem saber “para onde ir” em termos profissionais.

Toda essa “confusão” tende a passar com a chegada da juventude, pois nessa fase a tendência é a superação desses sentimentos através do desenvolvimento da individualidade de uma forma mais saudável, mais focada, realmente fazendo valer o lado positivo das vibrações fortes e poderosas do número 1, que é o número da liderança, da iniciativa, do foco (nas duas fases anteriores, vive-se fortemente um conflito entre lado negativo e o positivo desse número).

Podemos afirmar que quem apresenta um Primeiro Ciclo de Vida regido pelas vibrações do número 1, tem diante de si um cenário favorável para a iniciativa, independência, liderança e também para a autoridade (precisando tomar bastante cuidado com o autoritarismo, o despotismo!); também sendo um período favorável às realizações das ambições pessoais.

A partir daí, começará o Segundo e depois o Terceiro Ciclo de Vida, mas este é outro assunto. Caso você queira saber mais sobre os Ciclos de Vida, eu escrevi um artigo sobre o tema, para o Sulacap News, em 2018: https://bityli.com/oIGWfc

Lembrando que não somos “apenas um número”, pois vários outros compõem o nosso Mapa Numerológico Cabalístico. Uns têm vibrações mais fortes, mais proeminentes em nossa vida, enquanto outros são “secundários”, o que não significa que sejam menos importantes.

E, aproveitando a oportunidade, deixo aqui meus sinceros parabéns aos meus leitores que nasceram neste mês! Que Deus derrame sobre vocês muita saúde, prosperidade e que todos os seus caminhos sejam abertos!

Um grande abraço!

Josi̊ Sàldanha é Numeróloga Cabalista, formada pela ABNC – Academia Brasileira de Numerologia Cabalística, Terapeuta Psicopedagoga Holística, em várias especialidades, afiliada à ABRATH – Associação Brasileira de Terapeutas Holísticos; Mestre em Reiki Usui Tibetano; Pedagoga formada pela UERJ; Teóloga especialista em Ciências da Religião, pela UNESA, e em Psicanálise e Religião, pela Fundação Simonton – IBMR; Sacerdotisa há 18 anos, com dois livros de reflexões publicados, em parceria, na área de Teologia.

Whatsapp: (21) 99232-4887

Instagram: josisaldanha.numerologia

Facebook: josisaldanhanumerologa

Commentaires


Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

PSS - banners sulacap-06.png
bottom of page