• Marluce Rosa - Prof. Yoga

YOGAnews | Aparigraha (desapego aos resultados)


Olá! Como vai você? O Yoga como estilo de vida nos aponta ensinamentos para a nossa rotina diária. Dentro desse postulado Yogue temos Yamas (condutas ética na vida em sociedade) e Niyamas (atitudes que o praticante de Yoga deve ter consigo mesmo). Iremos abordar Aparigraha, um Yama.

O apego e o materialismo definitivamente são os males do século e a raiz de todo sofrimento humano.Aparigraha é fundamental para um desenvolvimento espiritual e aprofundamento na prática do Yoga. Porém, o desapego material ainda é o início efetivo para se viver esse valor. Quando falamos em desapego, falamos da raiz psíquica: a compreensão da nossa natureza básica como ser humano. Pois quando agimos em desapego, sem interesses aos resultados, vivemos em nossa própria natureza, pois não somos mais reflexos de respostas condicionadas com objetivo de algum resultado. Em desapego, estamos ativos na vida e para vida, porém com expansão interior... Como uma árvore em crescimento. Primeiro ela fortalece suas raízes para depois obter o crescimento do tronco, galhos, para depois começar a dar frutos. Tantas vezes, como seres humanos, rompemos esse fortalecimento da raiz e já queremos antecipar os frutos. Aparigraha nos convida a isso: fazer o que tem que ser feito liberto dos resultados dia após dia.

Segundo Deepak Chopra, desapego é a sexta lei espiritual, ele narra que o apego aos resultados cria sentimentos negativos, pois, geralmente, costuma vir acompanhado de ansiedade e medo impedindo a tranquilidade mental e o fluxo natural da confiança e da fé. Percebo que a prática de Aparigraha vem acompanhada de contentamento e serenidade, pois experenciamos viver abundantemente o momento presente. Sem apegos ao que já passou e sem altas projeções pelo que está por vir. Em desapego não forçamos soluções, nos mantemos presentes na ação, porém em distanciamento, pois já aprendemos, em experiências vivenciadas e em auto-observação que as incertezas fazem parte do jogo da vida. Assim, estaremos abertos a todas possibilidades e em desapego emocional.

Iremos viver muitos sentimentos na jornada terrena, porém, se faz necessário pontuarmos essas emoções primeiramente para nós e se for o caso para os envolvidos em um cenário relacional. Assim, estaremos em desapego. Pois permitiremos a nós e aos outros serem de fato o que são.

“Haverá outro modo de salvar-se? Senão o de criar as próprias realidades?" (Clarice Lispector)

Vamos seguindo! Um abraço.

Profª. Marluce Rosa é idealizadora do Espaço Lumarce Yoga, Pedagoga, Psicomotricista, Profª. de Educação Física, Yoga e Motociclista. Contatos: Watsapp: 99343-8895 Facebook e Instagram: @yogalumarce

#Aparigraha #Yoga

Clique na imagem para baixar aplicativo da Rádio para celular
image1.jpg
Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

© 2020 Sulacap News

Jardim Sulacap - Zona Oeste do Rio de Janeiro - Brasil