top of page
  • Foto do escritorDa Redação

El Pavuna faz show gratuito, nessa quinta (07), no Teatro Armando Gonzaga em Marechal Hermes

Cantor e compositor carioca, que lançou recentemente o primeiro álbum de carreira, foi contemplado no edital Música Ao Vivo da FUNARJ e faz show gratuito

FOTO: JÉSSICA LEAL

Embalado pelo lançamento de seu primeiro álbum de carreira, "Vide o Céu da Zona Norte às Cinco e Meia", EL PAVUNA, contemplado no edital Música Ao Vivo da FUNARJ, faz show gratuito nessa quinta-feira (07), no Teatro Armando Gonzaga, em Marechal Hermes. No repertório selecionado pelo cantor e compositor carioca, os destaques vão para os partidos-alto e para os sambas-canção, tanto de safra própria quanto de bambas da música brasileira.


EL PAVUNA ouvia muito os grupos de pagode que fizeram sucesso nos anos 90 e essa é uma referência bastante presente em suas músicas. O show faz um passeio por essas referências e experiências do artista e, além de canções que estão no seu primeiro e recém-lançado disco, como "Minha Sogra é Boa Demais" (EL PAVUNA), "Jurei" (EL PAVUNA / Daniel Rozadas / Lucas Machado) e "Sheila" (EL PAVUNA / Daniel Rozadas / JP Ribeiro), tem clássicos do samba como "Feirinha da Pavuna" (Jovelina Pérola Negra) e "Pra Não Deixar Morrer um Grande Amor" (Almir Guineto / Celso Leão / Wilson Passarinho).


No palco, EL PAVUNA (voz e banjo) vai estar acompanhado por Jorge Sant'Anna (violão e voz) - que assina a direção musical do show, Adauto Hermógenes (cavaquinho e voz), Alex Brignes, Leandro Ezequiel e Cadé (percussão), Leonardo Massara (bateria), Lennon Kurz (teclado) e André Lydia (contrabaixo).


Nascido na Pavuna, bairro da Zona Norte do Rio, Thauan "EL PAVUNA" foi revelado como uma nova potência musical nas rodas cariocas pelo coletivo autoral "Aos Novos Compositores", que desde 2015 acontece na Lapa (RJ) e foi ponto de partida para os palcos por onde o artista vem se apresentando. E é na Pavuna que ele comanda a roda de samba mensal "Feirinha do Pavuna", que faz parte do calendário local.


Essa trajetória ascendente contabiliza uma gravação em dueto com o mestre Jorge Aragão, logo em seu álbum de estreia, "Vide o Céu da Zona Norte às Cinco e Meia" (2021), que tem a consagrada produção de Wilson Prateado. A faixa de trabalho, "O Amor Não Vai Morrer", um samba romântico autoral, entrou em importantes playlists editoriais do Spotify, como "Pagode Romântico" e "Pagodin".


Sempre com uma receptividade incrível, EL PAVUNA vem fazendo elogiadas participações, como na roda de samba de Xande de Pilares (no Bar do Zeca), com o Samba Independente dos Bons Costumes (no evento Rio Gastronomia) e com Marquinhos Sensação (no Bar Templo, em São Paulo). Ele também se apresentou em shows solo no Beco do Rato, com participações de Teresa Cristina, Cassiana Pérola Negra e Will Freitas; na Arena Jovelina Pérola Negra; na Casa Julieta de Serpa; no Espaço Cultural Sérgio Porto e no Imperator - Centro Cultural João Nogueira.


O jovem e múltiplo artista, que também é ator e pode ser visto em diversas produções nacionais (como na série "Impuros", do Star+), agora se prepara para participar do Rock in Rio 2022, no Espaço Favela, no mesmo line up de Ferrugem e Orochi. Caminho aberto para um sucesso cada vez maior: em setembro, o artista vai botar a Cidade do Rock pra sambar!


O Teatro Armando Gonzaga fica na Av. Gen. Osvaldo Cordeiro de Farias, 511 - Marechal Hermes. Telefone: (21) 2332-1040.

 

O Sulacap News também está no Facebook, Instagram e Twitter. Se quiser receber notícias em primeira mão, basta ingressar no grupo NOTÍCIAS DO SULACAP NEWS. Para se cadastrar, basta acessar os link abaixo:


Comments


Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

PSS - banners sulacap-06.png
bottom of page