• Alexandre Madruga

Cidade das Artes recebe pela primeira vez o ballet municipal


O Ballet do Theatro Municipal estreará na Cidade das Artes em programa popular, criado por suas diretoras Ana Botafogo e Cecília Kerche, composto de trechos dos ballets de repertório, entre eles três ballets com música de Tchaikowsky, um dos maiores compositores de música para ballet. As apresentações acontecerão nos dias 28, 29 e 30, na Grande Sala.

O espetáculo tem os trechos mais amados do público carioca: O Lago dos Cisnes, A Bela Adormecida, O Quebra-Nozes, Sheherazade e Raymonda. A montagem inicia com o Grand Pas de Quatre, de Cesare Pugni, que desde 1845 mantém seu sucesso inalterado, sendo veículo para o virtuosismo das quatro bailarinas em cena.

Segue-se o Adagio da Rosa do 1º ato de “A Bela Adormecida”, que acontece quando a Princesa Aurora é cortejada por quatro príncipes pretendentes à sua mão em seu 16º aniversário. Em sequência, com Música de Vassily Soloviev, do ballet Taras Bulba, o solo masculino intitulado Gopak. Esta dança popular da Ucrânia tem origem no verbo hopati, que significa saltar e corresponde a exclamação Hop!, entoada durante a dança. Geralmente, é uma dança masculina e de muitos saltos acrobáticos.

O 4º Ballet é um trecho do 3º ato d’O Lago dos Cisnes que representa a Hungria com suas típicas Czardas, dançadas pelo Corpo de Baile nos festejos de aniversário do Príncipe Siegfried. De ‘O Quebra-Nozes’ teremos o famoso Pas de deux, que exige dos dois bailarinos a mais alta técnica em dança para fazer jus à música de Tchaikovsky, talvez a melhor que ele tenha composto para um balé.

Finalmente, o Pas Hongrois, extraído do último ato de “Raymonda”, passa-se no Século XIII e encena o casamento dos dois heróis, no qual todos os bailarinos do Theatro tomam parte, com música de Glazunov.

#CidadedasArtes

Clique na imagem para baixar aplicativo da Rádio para celular
image1.jpg
Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

© 2020 Sulacap News

Jardim Sulacap - Zona Oeste do Rio de Janeiro - Brasil