• Alexandre Madruga

Procon encontra irregularidades em supermercados de Realengo e descarta alimentos

Em toda a operação, fiscais descartam cerca de 110kg de alimentos

Nesta quarta-feira (14), agentes do Procon-RJ fiscalizaram quatro filiais dos Supermercados Guanabara localizadas nos municípios do Rio e São João de Meriti. A ação foi deflagrada para averiguar denúncias de consumidores e a pedido do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ). Os fiscais encontraram alimentos vencidos, mal armazenados, sem data de validade e especificação.


Em todos os estabelecimentos fiscalizados, os fiscais determinaram o descarte de alimentos. Foram eliminados ao todo 107,5kg de produtos. Os agentes encontraram também problemas estruturais, entre eles, falhas que possibilitam a entrada de insetos e roedores. Além disso, presença de moscas no local, sendo determinada a apresentação do certificado e reforço da dedetização.


A pedido do MPRJ, os agentes verificaram a existência de cartazes afixados com a informação a respeito do aleitamento materno. Nos quatro supermercados vistoriados, há cartazes com a devida mensagem nas prateleiras onde estão localizados os leites em pó direcionados à alimentação infantil.


Não foi possível realizar comparativo de preços do arroz, óleo e leite, já que não foram apresentadas as notas fiscais de custo e venda. As empresas têm 15 dias para entregar documentos comprobatório à autarquia. A apresentação das notas fiscais irá possibilitar a investigação da cadeia produtiva.


Balanço da operação:

1)  Guanabara – Av. Nossa Senhora das Graças, 222, Centro, São João de Meriti

Problemas estruturais encontrados, entre eles, falhas que possibilitam a entrada de insetos e roedores.

Presença de moscas no local, sendo determinado o reforço da dedetização e apresentação do certificado de dedetização.

8kg de linguiça de lombo suíno armazenado fora das especificações do fabricante, - produto descartado

2) Guanabara – Av. Santa Cruz, 419, Realengo

Nas prateleiras onde estão localizados os leites em pó direcionados à alimentação infantil, há cartazes afixados com a informação a respeito do aleitamento materno.

Problemas estruturais

Alimentos descartados sem data de validade e especificação: 66,9 kg de goiabada, 10,4kg de marrom glace = 77,3kg

3) Guanabara – Av. Dom Hélder Câmara, 8403, Piedade

Problemas estruturais encontrados, entre eles, irregularidades que possibilitam a entrada de insetos e roedores.

Alimentos descartados: 8,455kg de azeitona temperada já aberta armazenada no chão, com sujeira e pequenos insetos, possibilitando a contaminação.

4) Guanabara – Estrada da Água Branca, 2380,

Problemas estruturais encontrados, entre eles, falhas que possibilitam a entrada de insetos e roedores.

Alimentos descartados: 4,18kg de doce de leite sem data de validade e manipulação e 9,57 kg de azeitona vencidas em 24/09/2020 


O espaço segue aberto para manifestação dos Supermercados Guanabara.

Clique na imagem para baixar aplicativo da Rádio para celular
image1.jpg
Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

© 2020 Sulacap News

Jardim Sulacap - Zona Oeste do Rio de Janeiro - Brasil