top of page
  • Foto do escritorJosi̊ Sàldanha

HOLÍSTICOnews | Qual é a sua marca?


Como eu disse no artigo anterior, muitas vezes é necessário reduzir muito cada nome e sobrenome do cliente para criar uma assinatura forte, positiva, harmônica, sem negatividades. A assinatura é a grande porta de entrada para as mudanças positivas na vida do cliente, mas junto com a assinatura temos o nome comercial, que também pode ser chamado de nome social ou de “marca”, como o nome fantasia de uma empresa.

O nome comercial segue os mesmos parâmetros de cálculo do nome fantasia de uma empresa, que precisa ser harmônico com o ramo de atividade do negócio. Ele precisa estar de acordo com a profissão ou atividade profissional e com o número de Destino.

Muitos clientes, quando vão fazer seu Mapa Numerológico Cabalístico, já chegam com um nome comercial em uso. Alguns deles estão completamente incompatíveis com a profissão da pessoa, o que dificulta muito seu progresso profissional/material. Outras pessoas, intuitivamente, escolhem sua marca exatamente de acordo com a profissão, o que facilita bastante, pois não há a necessidade de modificações (casos mais raros). Para alguns nomes comerciais desarmônicos, um pequeno acento já harmoniza, para outros casos, é necessário dobrar letras, mas (infelizmente) a maioria, eu preciso calcular outro nome comercial, pois não há como ajustar o que já está em uso.

O nome comercial é composto, normalmente, por um nome e um sobrenome do cliente. Também podemos abreviar o nome, como no caso de “Alexandre” que pode se tornar “Alex” ou “Alexandra”, que pode ser “Alexa”, por exemplo. O sobrenome, normalmente, é um dos sobrenomes da pessoa, mas também podemos colocar outro sobrenome, seja de um ramo familiar ou mesmo um sobrenome “qualquer”, que a pessoa simplesmente goste e se identifique.

O nome comercial tem muita força, pois ele é nosso “cartão de visitas”. Ele deve ser usado em todas as redes sociais, cartões de apresentação, nos sites, como endereço de e-mail, em todos os materiais de divulgação de trabalho. No caso de artistas, ele também deve ser usado para dar autógrafos, assinar quadros e outras obras de arte. Pode ser também um pseudônimo, ou seja, um nome “nada a ver” com o nome real da pessoa, mas que ela se identifique.

Como eu disse, a lógica e as regras para o cálculo do nome comercial não são as mesmas que as da assinatura, por isso, um sobrenome que é completamente negativo e precisar ser muito abreviado na assinatura (ficando, muitas vezes, só a primeira letra), para o nome comercial ele pode ser utilizado por completo.

Muitas pessoas usam como nome comercial um apelido de infância/adolescência. Na maioria dos casos isso não é bom, pois, muitas vezes, além de estar desarmônico esse nome pode remeter a coisas ou situações negativas, podendo também ser um diminutivo-pejorativo.

Diante de tudo o que foi exposto, repito que o nome comercial deve ser levado muito a sério, pois ele pode ser tanto uma porta aberta, quanto fechada em nossa vida.

Um grande abraço!

Josi̊ Sàldanha é Numeróloga Cabalista, formada pela ABNC – Academia Brasileira de Numerologia Cabalística, Terapeuta Psicopedagoga Holística, em várias especialidades, afiliada à ABRATH – Associação Brasileira de Terapeutas Holísticos, Pedagoga formada pela UERJ, Teóloga especialista em Ciências da Religião pela UNESA, Sacerdotisa há 18 anos, com dois livros de reflexões publicados, em parceria, na área de Teologia.

Whatsapp: (21) 99232-4887

Instagram: josisaldanha.numerologia

Facebook: josisaldanhanumerologa

Comments


Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

PSS - banners sulacap-06.png
bottom of page