top of page
  • Foto do escritorJosi̊ Sàldanha

HOLÍSTICOnews | O estágio de evolução da alma

Através dos cálculos numerológicos é possível saber em que GRAU DE ASCENSÃO nascemos.

Nos cursos de Numerologia Cabalística, aprendemos a não passar essa informação ao cliente, pois esse índice não interfere diretamente em nossa vida. Entretanto, particularmente, creio ser essa uma informação que não deve ser omitida, pois trata-se de algo particular da pessoa e que pode incentivá-la a progredir cada vez mais. O grau de ascensão é um indicativo do nosso estágio de desenvolvimento material, mental e espiritual.

Existem três possibilidades:

1 – Espírito Rebaixado

2 – Espírito em Ascensão

3 – Espírito Elevado

Espírito Rebaixado: trata-se de uma pessoa que viveu, na vida passada, em um meio social superior ao que vive nessa existência. Entretanto, essa alma (pessoa), transgrediu as Leis Naturais e foi, portanto, “rebaixada”, voltando agora em um meio inferior ao que viveu anteriormente.

Espírito em Ascensão: pessoa que, como o nome mesmo sinaliza, está progredindo material, mental e espiritualmente desde, pelo menos, sua última encarnação.

Espírito Elevado: refere-se a uma pessoa que veio, neste momento, para ajudar, para iluminar outras almas.

Esse índice não é fixo, portanto, não significa que uma pessoa que nasceu como um espírito rebaixado, necessariamente morrerá nessa mesma condição. Ao contrário, temos a possibilidade de evoluir sempre, podendo modificar esse padrão.

Da mesma forma, uma pessoa que nasceu como um espírito em ascensão, dependendo de suas escolhas, certas ou equivocadas, da sua dedicação a uma vida espiritualizada ou não, poderá “entrar em rebaixamento” e na próxima encarnação vir como um “espírito rebaixado”.

Os que são espíritos elevados, não quer dizer que sejam pessoas “santas”, “puras” etc. Mas sim que conseguiram um grau de entendimento satisfatório sobre as Leis Naturais (que pode ter sido na intervida – quando a pessoa ainda estava no mundo espiritual, em aprendizado, antes de retornar) e agora podem ajudar outras pessoas com seus conhecimentos, bondade, clareza mental etc. Normalmente, são pessoas muito comuns, mas com uma grande inteligência. É comum que tais pessoas sintam-se muito deslocadas no mundo, tendo uma mente rápida para determinados assuntos, mas lenta para outros. Dependendo da situação, podem até precisar de ajuda profissional para equilibrar suas emoções e sentimentos. Podem até ser pessoas que apresentem lições e dívidas cármicas a resgatar, pois, como já foi dito, não são pessoas “santas”, mas sim com clareza para ajudar outras pessoas e elas mesmas.

Uma observação importante: acontece, muitas vezes, de uma pessoa que apresenta em seu Mapa Numerológico Cabalístico, a situação de “espírito rebaixado”, ter memórias de sua vida anterior e sentir-se extremamente inconformada com sua atual situação socioeconômica. Isso é muito prejudicial, pois gera reclamações, e reclamações nos trazem mais motivos para outras reclamações, prendendo a pessoa em um ciclo de escassez-inconformismo-escassez.

Por outro lado, já atendi clientes que, mesmo apresentando a situação de “espírito rebaixado”, claramente conseguiram entender o mecanismo da evolução, mostrando-se pessoas resilientes, firmes em seus propósitos e, o melhor de tudo: gratas. Da mesma forma que existe o ciclo da escassez, também existe o ciclo da abundância. Pode parecer estranho, mas somos nós que escolhemos viver em uma ou outra, na escassez ou na abundância, mas isso é tema para outro artigo...

Um grande abraço,


Josi̊ Sàldanha é Numeróloga Cabalista, formada pela ABNC – Academia Brasileira de Numerologia Cabalística, Terapeuta Psicopedagoga Holística, em várias especialidades, afiliada à ABRATH – Associação Brasileira de Terapeutas Holísticos, Pedagoga formada pela UERJ, Teóloga especialista em Ciências da Religião pela UNESA, Sacerdotisa há 18 anos, com dois livros de reflexões publicados, em parceria, na área de Teologia.

Whatsapp: (21) 99232-4887

Instagram: josisaldanha.numerologia

Facebook: josisaldanhanumerologa

Comments


Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

PSS - banners sulacap-06.png
bottom of page