© 2018 Sulacap News

Jardim Sulacap - Zona Oeste do Rio de Janeiro - Brasil

Quase 2000 pessoas atendidas em ação social na Aeronáutica no último sábado

August 22, 2017

As filas começaram na noite de sexta-feira (18), com pessoas não ficando na chuva por conta dos militares autorizarem o uso das dependências da Prefeitura de Aeronáutica dos Afonsos (PAAF). A grande procura da Ação Cívico-Social (ACISO) formou uma grande fila na manhã de sábado (19), graças ao momento econômico e financeiro do país e a repercussão do evento.

 

Militares e civis foram voluntários na ACISO 2017 da Guarnição dos Afonsos, coordenados pela PAAF e Hospital de Aeronáutica dos Afonsos (HAAF). A Ação ofereceu serviços específicos de Defensoria Pública, Justiça Itinerante, DETRAN, Orientação Jurídica, Orientação médica e odontológica, corte e tratamento de cabelos e pele, além de outros serviços. Foi solicitado a contribuição na entrega de 1kg de alimento não perecível e grande parte do público foi voluntário para doação de sangue, o que fez aumentar o estoque do banco de sangue do HAAF, que faz parte da rede do estado filiado a HemoRio.

 

Muitos moradores dos bairros próximos compareceram, mas também estiveram presentes residentes de outros bairros, como Santa Cruz e até da Ilha do Governador. Segundo a PAAF, no total foram atendidas 1927 pessoas, sendo contabilizado um público total de 4729 que participaram da ACISO. Essa diferença entre atendidos e participantes, se deu pela quantidade de acompanhantes e testemunhas, principalmente para o casamento.

 

De acordo com a organização, nos demais atendimentos, foram 154 para Justiça Itinerante, 218 no DETRAN, 691 da Defensoria Pública, 168 para cabeleireiro, 104 na Odontologia, 83 na doação de sangue, 79 da orientação médica e 430 na orientação jurídica. Mais de 530kg de itens não-perecíveis foram arrecadados, além de sete litros de cozinha e onze litros de leite. As doação foram encaminhadas para Igreja Nossa Senhora da Assunção em Sulacap e Asilo do Serviço de Assistência Social Evangélica (SASE ) em Realengo. Infelizmente, nem todos os atendidos trouxeram os alimentos solicitados, mas a critério da organização do evento receberam atendimento.

 

Nas primeiras duas horas da ação, como o tempo estava muito abafado e a fila aumentava a cada minuto, a organização teve que dar água mineral gelada aos presentes. Houve ocorrência de três casos de desmaio, que foram prontamente atendidos e levados para emergência do HAAF.

 

A Ação deveria terminar às 15h como era previsto, mas a Defensoria Pública resolveu estender os atendimentos, contando com a ajuda dos militares que ficaram até o início da noite. De acordo com a organização, ficou claro que as comunidades precisam de mais atividades nesse sentido e a grande procura também foi credenciada pela ACISO ter sido realizada num sábado, facilitando as pessoas que tem compromissos profissionais durante a semana poderem participar.

 

O que gerou grandes reclamações foram o tempo de atendimento da Justiça Itinerante e DETRAN, que se limitaram a atender nas 6h de trabalho propostas, deixando muitos sem atendimento e insatisfeitos, uns até indo embora sem atendimento nenhum. Para a organização, o trabalho dos voluntários foi fundamental para que a maioria fosse atendida.

 

- Estamos cônscios que a missão precípua da FAB é manter a soberania do espaço aéreo e integrar o território nacional, com vistas à defesa da pátria, porém, também prevista em Legislação específica, está a realização de ACISO, e nesta, em especial, contando com abnegados militares e civis voluntários, foi possível proporcionar um pouco de alegria e satisfação à sociedade como um todo, fomentando nosso sentimento de cidadania e amor ao próximo.- finalizou o Cel Int Alexandre Esteves, Prefeito de Aeronáutica dos Afonsos e Coordenador do Evento. 
 

Compartilhar
Twitter
Please reload

ELIANE-site.jpg