top of page
  • Foto do escritorLC Afonso

Zona Oeste recebeu mais uma edição do Rato no Rio Revival 2023

Atualizado: 15 de mai. de 2023

Com um tempo que já oscilava entre sol, chuva, o evento foi recheado por um excelente público que compareceu

E o já clássico evento Rato no Rio está de volta, o mais tradicional evento que rola na zona oeste da cidade, aconteceu mais uma vez na Areninha Hermeto Pascoal em Bangu, nesse sábado (13), como foi na última edição que contou em seu cast com uma reunião histórica do Grangrena Raiz, banda formada por membros de sua formação original.

Dessa vez, em sua edição mais Metal de todas, que além do já donos da casa, Cara de Porco, reconhecida banda de punk Rock do Rio, e o LAC, ambas headliners do evento, ambas as bandas divulgavam discos novos, além do LAC, estrear sua nova formação.


“Música Santa para Demônios” é o novo disco do Cara de Porco, que mostra uma banda mais pesada, mais séria (se é que isso é possível, mas por favor, não exagerem rsrsrs) que se uniu aos velhos clássicos da banda e que faz do hardcore ao Punk, até o Headbanger mais radical, virar criança por algumas horas de tanta alegria que os caras promovem no palco. O LAC estreava sua nova formação que conta agora somente com Jonathan da nova formação (seus outros integrantes estão em outra excelente banda chamada EROBOROS), mas igualmente um time de peso nela. A banda de Death Metal carioca mostrou que continua com toda força e que essa nova formação promete, fizeram um baita show mesclando músicas antigas e do novo disco.


Com um tempo que já oscilava entre sol, chuva, o sábado foi recheado por um excelente público que compareceu para assistir um cast formado por 12 bandas e 2 palcos, onde cada uma com 40 minutos de palco se revezavam em suas apresentações. A produção foi ímpar, com rigorosamente seus horários tudo dentro do cronograma. O Punk e Hardcore foi quem deu as primeiras notas no evento, por bandas como Filhotes (que show, baita som que as vezes mescla ska ao seu hardcore), Pavio e já emblemática carioca Pacto Social. Lana Rox, que abriu o evento, mostrou um som bem calcado na mistura de Rock com Rap. Maria Fumaça e Decore, essas duas últiams de SP, executaram bem seu som bem calcado em algo mais alternativo. O Metal extremo foi bem representado por bandas como Dark Tower, 7 peles e a Sangue de Bode, essa última, nova e que parece ter um futuro promissor dentro da cena, que pra mim foi um dos melhores shows da noite. Sem esquecer do Vox Mortem, uma banda de Thrash Metal excelente. Quem foi, assim como eu, pode ver um evento que representa uma boa diversidade de estilo e atrai os mais diversos públicos, lembrando que o evento já tem décadas e isso significa que além de uma nova geração de fãs, você pode ver ali até mesmo aquele “fã família” levando seus filhos para conhecer o bom e velho Rock and Roll que não costuma aparecer muito.


O Rato no Rio e toda sua produção está de parabéns, super bem produzido, excelentes bandas e apresentações que só deram mais brilho ao evento, o que mostra que o Rio tem sim a sua força apesar de toda essa luta em se transformar a cidade somente em um berço de outros estilos, que com todo respeito, nem todo mundo gosta como dizem. E claro, parabéns para a administração da Areninha Hermeto Pascoal por abraçar o público do Rock.

 

Torne-se um doador por apenas R$ 1 por mês. Nos ajude a manter vivo o jornalismo local. Mais informações de como fazer a doação, clique AQUI.


O Sulacap News também está no Facebook, Instagram e Twitter. Se quiser receber notícias em primeira mão, basta ingressar no grupo NOTÍCIAS DO SULACAP NEWS. Para se cadastrar, basta acessar os link abaixo:


Comments


Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

PSS - banners sulacap-06.png
bottom of page