Buscar
  • Alexandre Madruga

Veja 5 dicas de como a escuta ativa pode ajudar no ensino escolar nesta fase da pandemia

Especialista e diretora de escola lista dicas para este momento desafiador na educação dos pequenos

Lucy de Araujo Lima Delduque é professora, ministrou aulas e hoje é diretora de escola. Ela evidencia que mais do que nunca os ideais da mãe estão em voga.

"Assim, de um dia para outro, tivemos que nos reinventar com encontros online que vem totalmente na contramão do que praticávamos para o desenvolvimento das crianças, principalmente no aspecto do contato físico, uma com as outras. Nos adaptamos neste momento, e estamos realizando um trabalho de acompanhamento 360º.Cuidando do corpo docente, mães e pais, alunos e demais funcionários", relata Regina Delduque.

Através da plataforma Zoom, envia as atividades para os alunos que contém jogos e brincadeiras lúdicas e mantém plantões de escuta e compartilhamento com os pais. "Percebemos que tem sido bem difícil lidar com diversas demandas, como "aulas" online, filhos de diferentes idades , trabalho em casa, e muitas coisas que acontecem nesse novo normal. Logo, todos querem falar e serem efetivamente escutados. Por isso, a técnica de contar histórias e ouvir os pais e os pequenos vem sendo tão bem recebida no dia a dia", explica Regina, do Pinheiros. Pensando nisso, Regina Delduque elaborou 5 dicas de como a escuta ativa pode ajudar no ensino escolar: • Criar Vínculo Estreitar o vínculo criança x família x escola é mais que essencial agora. Por isso a importância de ouvir a todos. Adaptamos todo o conteúdo para que a vivência seja estendida, distribuímos kits para os pais interagirem com os pequenos e possibilitar que as três frentes de ação sejam vividas nas escola e fora dela. • Aprender e compreender conteúdo e sentimentos Desde a nossa fundação, somos preocupados no desenvolvimento socioemocional das crianças, porque acreditamos que crianças bem estáveis emocionalmente se tornam adultos brilhantes. Os conteúdos são trabalhados de forma interdisciplinar, para que os pequenos aprendam brincando. • Permita perceber o tom de voz e a fluidez do discurso Um dos passos fundamentais, que nosso corpo docente já utilizava e, que agora estamos estendendo aos pais é observar o nosso tom de voz ao passar conhecimento. Os pequenos são como esponjas e absorvem tudo que estão ao redor, e eles estão vivenciando essas mudanças muito mais intensamente do que os adultos. Observe os pequenos e a sua própria atitude nas aulas online. • Observar a linguagem não-verbal- postura, gestos faciais, olhar, mãos, respiração. As crianças nos contam tudo, mesmo que não seja pela fala. Agora, mesmo a distância é importante prestar atenção em tudo. Uma criança que começou a fazer xixi na cama, ou que, começou a ter atitudes diferentes do que estavam acostumadas. É preciso observar. Por isso a força tarefa com os pais e tutores é importante. Para criar esse olhar e orientar eles da melhor forma possível. • Estimular a criança a falar e, consequentemente, ela aprederá a escutar O mundo têm se tornado um lugar pouco comunicativo e expressivo. As crianças precisam aprender a se comunicar de forma assertiva e escutar verdadeiramente a si e o outro. Para lidar melhor com as frustrações e os desafios da vida. Cremos que a escuta ativa ensina as crianças a saberem lidar com as adversidades, o que irá refletir no futuro delas, para serem pessoas e profissionais de sucesso.

21 visualizações
Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

© 2018 Sulacap News

Jardim Sulacap - Zona Oeste do Rio de Janeiro - Brasil