top of page
  • Foto do escritorPedro Nascimento

Universidade Castelo Branco inicia vacinação de pessoas com deficiência contra a Covid-19

A vacinação será apenas para pessoas deficiências permanentes, podendo ser físicas, auditivas, intelectuais, psicossociais, visuais, múltiplas e transtorno do espectro autista

Na última segunda-feira (26), a Universidade Castelo Branco (UCB), na Zona Oeste, em parceria com a Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência, passou a ser um pólo de referência para receber pessoas com deficiências permanentes. A unidade seguirá o calendário elaborado pela Prefeitura do Rio, conforme lista do Plano Nacional de Imunização (PNI).


Para serem vacinadas, as pessoas com deficiência permanente devem apresentar laudo médico ou receituário que comprove a condição ou cartão de gratuidade no transporte público. Estão incluídas as deficiências físicas, auditivas, intelectuais, psicossociais, visuais, múltiplas e transtorno do espectro autista.


Pessoas com deficiência permanente são aquelas que têm impedimento a longo prazo de natureza física, mental, intelectual ou sensorial, o qual pode obstruir sua participação plena e efetiva na sociedade em igualdade de condições com as demais pessoas.


A imunização será feita por alunos dos cursos de Biomedicina e Enfermagem, sob supervisão de professores da Universidade Castelo Branco. A vacinação acontece de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, na Clínica Escola Castelo Branco, Avenida Santa Cruz, 1631, Realengo.

Comentários


Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

PSS - banners sulacap-06.png
bottom of page