• Alexandre Madruga

SMTR divulga resultado das ações de denúncias dos usuários de ônibus

Retorno de linhas inoperantes e reforço da frota estão entre os resultados positivos alcançados em prol dos passageiros

A Secretaria Municipal de Transportes, divulga as ações desenvolvidas e os resultados preliminares alcançados pelo comitê emergencial criado pela Resolução nº 3309, com o objetivo de atender as reclamações captadas junto aos usuários de ônibus através do canal direto com a secretaria, o SMTR com VOCÊ. O corpo técnico atuou de forma a minimizar os problemas de descontinuidade dos serviços apontados, tendo em vista as graves consequências geradas pela pandemia na mobilidade urbana. O retorno de 76 linhas e o reforço na frota de 12 serviços foram ganhos alcançados em prol dos passageiros devido às ações das equipes com os consórcios e operadores do sistema, tais como intervenções sistemáticas e regulares nas garagens, verificando detalhes da operação da frota.

Os técnicos se debruçaram na questão durante os 30 dias e avaliaram as linhas mais criticadas no canal SMTR com VOCÊ, com foco nos serviços que operam na Zona Oeste da cidade, tendo em vista à complexidade da região e o elevado número de reclamações das linhas do consórcio Santa Cruz. O canal direto com os passageiros, através do Whatsapp 98909-3717, foi criado durante a pandemia com o objetivo de receber sugestões e reclamações dos usuários sobre os serviços de ônibus, e norteou as ações do comitê, já que foram consideradas as opiniões dos passageiros que utilizam o sistema diariamente. É importante esclarecer, também, que o comitê, que conta com técnicos altamente especializados, atuou junto aos operadores do sistema de ônibus municipais, buscando corrigir os problemas apontados pela população. 

"O objetivo central deste trabalho é corrigir as falhas e promover as mudanças necessárias para que o cidadão carioca, em meio a maior crise da mobilidade urbana nos últimos 50 anos, não seja penalizado pela interrupção dos serviços e tenha garantido o seu direito de ir e vir, como reivindica e merece. As garagens, terminais e pontos de ônibus seguirão sendo alvos de ações de fiscalização rigorosa da SMTR. O comitê será um núcleo permanente na secretaria", destacou Paulo Jobim, secretário municipal de Transportes. 

Zona Oeste foi prioridade

Foram recebidas 128 queixas somente sobre linhas que operam na Zona Oeste, referentes a 61 serviços específicos, o que corresponde a quase metade do total de reclamações recebidas sobre os serviços dos quatro consórcios (Santa Cruz, Transcarioca, Internorte e Intersul). As 61 linhas reclamadas, que foram avaliadas pelo comitê, são:

358 (Cosmos x Candelária)

364 (Jardim Bangu x Tiradentes)

365 (Mendanha x Tiradentes - Expresso)

366 (Campo Grande x Tiradentes)

367 (Realengo x Camerino - via Avenida Brasil/Expresso)

383 (Realengo x Praça da República)

388 (Santa Cruz x Candelária - via Av. Brasil/Expresso)

389 (Vila Aliança x Candelária - via Senador Camara/Expresso)

391 (Padre Miguel x Praça Tiradentes)

393 (Bangu x Candelária)

394 (Vila Kennedy x Tiradentes)

395 (Coqueiros x Tiradentes/Expresso)

396 (Bairro Jabour x Candelária - via Av. Brasil)

397 (Campo Grande x Candelária)

398 (Campo Grande x Tiradentes - via Av. Brasil)

731 (Campo Grande x Marechal Hermes)

738 (Urucânia x Marechal Hermes)

739 (Sulacap x Bangu)

741 (Barata x Bangu - via Murundu/Circular)

742 (Barata x Cascadura - Circular)

743 (Barata x Bangu - via Água Branca/Circular)

744 (Realengo x Cascadura - via Jardim Novo)

745 (Bangu x Cascadura)

755 (Realengo x Coelho Neto - Circular)

759 (Cesarão x Coelho Neto)

772 (Bangu x Coelho Neto - Circular)

789 (Campo Grande x Cascadura)

794 (Cascadura x Bangu)

801 (Bangu x Taquara)

802 (Bangu x Campo Grande)

813 (Manguariba x Santa Cruz - Circular)

819 (Jardim Bangu x Bangu)

821 (Corcundinha x Campo Grande)

822 (Corcundinha x Campo Grande - via Vila Nova/Circular)

825 (Campo Grande x Jesuítas)

828 (São Jorge x Campo Grande - Circular)

830 (Pedregoso x Campo Grande - Circular)

833 (Conjunto Manguariba x Campo Grande)

837 (Conjunto da Marinha x Campo Grande

839 (Cesarão x Campo Grande - via Urucânia/Circular)

840 (São Fernando x Campo Grande)

841 (Vilar Carioca x Campo Grande)

842 (Paciência x Campo Grande - via Santa Margarida)

843 (Boa Esperança x Campo Grande)

849 (Base Aérea de Santa Cruz x Campo Grande)

850 (Mendanha x Campo Grande)

852 (Campo Grande x Pedra de Guaratiba)

853 (Vila Kennedy x Estação BRT Mato Alto)

855 (Bangu x Magarça - via Av. Santa Cruz/Circular) 

858 (São Fernando x Paciência/Circular)

864 (Bangu x Campo Grande)

867 (Barra de Guaratiba x Campo Grande)

869 (Santa Margarida x Campo Grande - Circular)

872 (Sepetiba x Estação Cesarão III - via Praia Sepetiba/Circular)

883 (Bangu x Estação Mato Alto)

891 (Sepetiba x Mato Alto - via Praia da Brisa) - Circular

893 Jardim Palmares x Campo Grande (via 29 de Março)

895 Serrinha x Campo Grande (Circular)

896 Pingo D'água x Est. Mato Alto (via P. de Guaratiba/Circular)

933 (Catiri x Cidade Universitária - via Bangu)

SE17 (Campo Grande x Santa Cruz - via Av. Cesário de Melo)

Deste total de 61 linhas reclamadas da Zona Oeste, 40 estavam inoperantes e foram objeto de estudo detalhado dos técnicos. Destas, o comitê, após análise espacial dos trajetos, conseguiu que 21 voltassem a atender a população, através de ações enérgicas da secretaria nas garagens. Outros serviços também voltaram a circular devido às medidas tomadas pelas equipes. 

Linhas inoperantes retomaram a operação após ações nas garagens

A secretaria realizou 135 inspeções em 25 diferentes garagens de empresas ao longo do primeiro mês de comitê. O resultado: 76 linhas que haviam sumido, à revelia do poder concedente, voltaram a operar. O número representa o retorno às ruas de cerca de 40% das linhas reclamadas pela população. Os serviços que voltaram a operar após as ações da SMTR foram: 

SE 17 (Campo Grande x Santa Cruz)

TRONCAL 9 - 109 (São Conrado x Central)

010 (Fátima x Central)

134 (Rio Comprido x Largo do Machado)

213 (Muda x Candelária)

222 (Vila Isabel x Praça Mauá)

226 (Grajaú x Carioca)

254 (Madureira x Candelária)

277 (Rocha Miranda x Candelária)

311 (Engenho Leal x Candelária)

342 (Jardim América x Castelo)

346 (Madureira x Candelária)

349 (Rocha Miranda x Castelo)

380 (Curicica x Candelária)

384 (Pavuna x Passeio)

385 (Village Pavuna x Passeio)

388 (Santa Cruz x Candelária) 

389 (Vila Aliança x Candelária) 

392 (Bangu x Candelária)  

394 (Vila Kennedy x Tiradentes)

395 (Coqueiros x Tiradentes) 

416 (Saens Peña x Jardim Botânico)

434 (Grajaú x Siqueira Campos)

462 (São Cristóvão x Copacabana)  

615 (Pavuna x Del Castilho)  

635 (Bananal x Saens Peña)

686 (Fazenda da Bica x Madureira)

687 (Pavuna x Méier)

688 (Méier x Pavuna)

693 (Méier x Alvorada)  

702 (Praça Seca x Madureira)

709 (Cascadura x Amarelinho)  

739 (Sulacap x Bangu) 

741 (Barata x Bangu) 

743 (Barata x Bangu) 

744 (Realengo x Cascadura) 

769 (Jardim Violeta x Madureira)  

773 (Cascadura x Pavuna)

786 (Campo Grande x Marechal Hermes)  

789 (Campo Grande x Cascadura) 

817 (Terminal Recreio x Vargem Grande)

822 (Corcundinha x Campo Grande) 

823 (Vargem Grande x Recreio)

825 (Campo Grande x Jesuítas)

830 (Pedregoso x Campo Grande) 

832 (Taquara x Alvorada)

833 (Conjunto Mangaratiba x Campo Grande) 

834 (Largo do Correia x Campo Grande)

836 (Caboclos x Campo Grande)  

837 (Conjunto da Marinha x Campo Grande)

841 (Vilar Carioca x Campo Grande) 

842 (Paciência x Campo Grande)

845 (Cantagalo x Campo Grande)

849 (Base Aérea de Santa Cruz x Campo Grande) 

854 (Campo Grande x Mato Alto)

855 (Bangu x Magarça) 

869 (Santa Margarida x Campo Grande) 

870 (Sepetiba x Santa Cruz)

871 (Sepetiba x Estação Cesarão)

874 (Marambaia x Estação Ilha de Guaratiba)  

882 (Tanque x Alvorada)

886 (Freguesia x Barra da Tijuca)  

887 (Pechincha x Barra da Tijuca)

891 (Sepetiba x Mato Alto)

893 (Jardim Palmares x Campo Grande) 

895 (Serrinha x Campo Grande) 

896 (Pingo D´água x Estação Mato Alto)

901 (Bonsucesso x Bananal)

915 (Bonsucesso x AIRJ)  

922 (Tubiacanga x Aeroporto Internacional)

924 (Aeroporto x Bananal)

925 (Aeroporto x Bancários)

935 (Ribeira x Portuguesa)  

934 (Ribeira x Portuguesa)  

946 (Pavuna x Engenho da Rainha)

963 (Santa Maria x Taquara)

Ao longo das ações operacionais do comitê, 214 multas foram aplicadas por irregularidades, como má conservação dos coletivos, colocar veículo em circulação sem vistoria e descumprimento de protocolos sanitários.

As ações de fiscalização nas garagens, em pontos de ônibus e em terminais seguirão sendo realizadas com constância e rigor.

Reforço na frota de 62% de linhas reclamadas

As outras 21 linhas da Zona Oeste com queixas, do total de 61, estavam circulando com frota reduzida e também foram analisadas pelo comitê. Neste contexto, mais um resultado positivo foi alcançado através dos trabalhos: 62% destas linhas tiveram reforço na frota em circulação, com um ganho de 72 veículos. As linhas que tiveram reforço na frota são:

383 (Realengo x Pça. da República)

393 (Bangu x Candelária)

397 (Campo Grande x Candelária)

731 (Campo Grande x Marechal Hermes)

745 (Bangu x Cascadura)

759 (Cesarão x Coelho Neto)

794 (Cascadura x Bangu)

801 (Bangu x Taquara)

819 (Jardim Bangu x Bangu)

821 (Corcundinha x Campo Grande)

825 (Campo Grande x Jesuítas)

852 (Campo Grande x Pedra de Guaratiba)

864 (Bangu x Campo Grande)

883 (Bangu x Estação Mato Alto)


Linhas poderão passar por readequação

Considerando o total de 40 linhas analisadas e 21 que voltaram a circular, as outras 19 ainda estão inoperantes e estão sendo rigorosamente monitoradas e cobradas pela secretaria junto aos operadores. Vale destacar que, destas 19 linhas, a população tem alternativas de deslocamento para 12 delas, considerando outras linhas de ônibus municipais e, quando necessário, apenas um transbordo, ou seja, não haverá qualquer gasto a mais para o usuário.

Os 12 serviços que ainda estão inoperantes e as opções de linhas para o deslocamento são:

358 (Cosmos x Candelária)

Linhas alternativas: 397, 756, 770, 821 e 898


364 (Jardim Bangu x Tiradentes)

Linhas alternativas: 379 e 819

366 (Campo Grande x Tiradentes)

Linhas alternativas: 394, 770, 790 e 821

367 (Realengo x Camerino)

Linhas alternativas: 355, 361, 383, 393, 793 e 801

391 (Padre Miguel x Pça. Tiradentes)

Linhas alternativas: 371, 383, 636, 794 e 918

396 (B. Jabour x Candelária)

Linhas alternativas: 397 e 442

398 (Campo Grande x Tiradentes)

Linhas alternativas: 394, 790, 821 e 936


742 (Barata x Cascadura)

Linhas alternativas: 383, 667, 777, 790 e 794

772 (Bangu x Coelho Neto)

Linhas alternativas: 369, 393, 756 e 812

813 (Maguariba x Santa Cruz)

Linha alternativa: 759

872 (Sepetiba x Est. Cesarão III)

Linhas alternativas: 759 e 898

933 (Catiri x Cidade Universitária)

Linhas alternativas: 731, 790, 926 e 936

Preliminarmente, não haverá exclusão ou extinção de linhas. Porém, o comitê seguirá com os trabalhos, analisando profundamente estes 19 serviços, que poderão passar por readequação, ou seja, encurtamento, extensão ou modificação de itinerário.


Importante destacar que, durante este processo de readequação, usuários das linhas, principais personagens envolvidos, serão ouvidos pela SMTR. Vale ressaltar, ainda, que o processo de readequação das linhas é contínuo e dinâmico, podendo sofrer ajustes de acordo com a viabilidade técnica e as necessidades dos usuários.

Outras fontes de dados foram consideradas ao longo dos trabalhos do comitê, como informações cadastrais sobre a frota, monitoramento por GPS, dados sobre demanda extraídos de relatórios diários de operação, e estudos técnicos elaborados pela Coordenadoria de Planejamento do Sistema.


Comitê será núcleo permanente durante pandemia

É de extrema importância ressaltar que o comitê, criado para atuar de forma emergencial num primeiro momento, será um núcleo permanente, dedicado a atuar exclusivamente para mitigar os efeitos desastrosos da pandemia na mobilidade urbana do Rio. Orientado inicialmente a concentrar esforços na Zona Oeste da cidade, conforme mencionado, o comitê terá continuidade, visando estender suas ações para as demais áreas da cidade, buscando levar melhorias nos serviços para todo o cidadão carioca que depende do transporte público para se deslocar diariamente.

"O setor técnico da secretaria continuará trabalhando, de modo a readequar a operação do transporte público em toda a cidade. Nosso maior interesse é suprir as necessidades dos usuários, garantindo que a população tenha transporte adequado para  seus deslocamentos, especialmente neste momento de retomada das atividades", declarou o subsecretário de Transportes, Allan Borges.

A SMTR também pede a contribuição da população com registros de ocorrências que envolvam ônibus lotados indevidamente, através do canal SMTR com VOCÊ. As informações serão muito importantes, pois vão continuar auxiliando os trabalhos do comitê, além de direcionar as ações de fiscalização da secretaria, gerando procedimentos de averiguação e cobrança.

Clique na imagem para baixar aplicativo da Rádio para celular
image1.jpg
Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

© 2020 Sulacap News

Jardim Sulacap - Zona Oeste do Rio de Janeiro - Brasil