• Alexandre Madruga

SEOP fiscalizou comércio de Madureira e Cascadura nesta terça (12)


Ações aconteceram em apoio ao primeiro dia de bloqueios nos dois bairros da Zona Norte

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), levou sua força-tarefa de fiscalização do comércio para Madureira e Cascadura, na Zona Norte, nesta terça-feira, dia 12, primeiro dia de bloqueios de trânsito em trechos dos dois bairros. Ao todo, foram fechados sete estabelecimentos dos 22 abertos fiscalizados, e 31 ambulantes foram orientados a se retirar. Durante as ações, as equipes constataram que a maioria dos estabelecimentos (432) já estavam fechados obedecendo ao decreto, e meia tonelada de resíduos sólidos foi recolhida das ruas. A força-tarefa da Seop conta com efetivos da Subsecretaria de Operações (Subop) da pasta; Guarda Municipal; Subsecretaria de Licenciamento, Fiscalização e Controle Urbano, vinculada à Secretaria Municipal de Fazenda; Subsecretaria de Vigilância Sanitária, que integra a Secretaria Municipal de Saúde; e Comlurb, além da Polícia Militar, quando necessário.


Em Madureira, a restrição de circulação de pedestres e veículos particulares (exceto de residentes e empregados em serviços de entrega) acontece na Avenida Edgard Romero (trecho entre a descida do viaduto Negrão de Lima até a altura da Escola Municipal Carmela Dutra). Já em Cascadura, foi interditada a área da Praça Nossa Senhora do Amparo.

De acordo com o Decreto 47.424, publicado nesta segunda-feira (11/05), outras nove áreas com altos índices de aglomeração serão bloqueadas: Grajaú, Santa Cruz, Freguesia, Taquara, Guaratiba, Realengo, Méier, Tijuca e Pavuna. O bloqueio chegará, gradativamente, a todas até esta quarta-feira (13). O planejamento visa reduzir o impacto causado pela mudança no trânsito e no transporte público de cada região, além de planificar as operações conjuntas com a Polícia Militar.

As regiões ficarão isoladas por grades até a próxima segunda-feira (18/05), com o acesso da população restrito a funcionários e clientes de mercados, farmácias e agências bancárias. Ao todo, cerca de 250 guardas municipais, além da Polícia Militar, cuidarão 24 horas por dia das barreiras.

Desde 18 de março, as ações diárias integradas pela Seop com foco no comércio resultaram no fechamento de 9.665 estabelecimentos dos 13.570 visitados em toda a cidade. Já o Disk Aglomeração atendeu 5.669 ocorrências, de 31 de março a 11 de maio. Os dez bairros mais demandados, até ontem, foram: Campo Grande, Santa Cruz, Bangu, Realengo, Centro, Tijuca, Madureira, Taquara, Barra da Tijuca e Inhoaíba.














Clique na imagem para baixar aplicativo da Rádio para celular
image1.jpg
Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

© 2020 Sulacap News

Jardim Sulacap - Zona Oeste do Rio de Janeiro - Brasil