top of page
  • Foto do escritorAlexandre Madruga

Rio Tingui, que corta a Avenida Japoré em Sulacap, terá vistoria da Rio Águas após 14 anos

É isso mesmo que você leu. Após 14 anos da última limpeza, a Prefeitura através da Rio-Águas realizará na semana que vem uma vistoria no Rio Tingui que corta a Estrada Japoré que, em dias de chuva, causa alagamentos e prejuízos aos moradores das Ruas Capistrano e Vicente Neiva, em Jardim Sulacap, sem contar o alagamento da Estrada Japoré a ponto de impedir a travessia de veículos.

"A Fundação Rio-Águas informa que enviará uma equipe para vistoriar o sistema de drenagem do local e o Rio Tingui na próxima semana", informou por nota nessa sexta-feira (03).
Vista interna da rua na Vila Residencial da Aeronáutica. Ao fundo a Estrada Japoré antes da Estátua do São Jorge, outro ponto de alagamento devido ao transbordamento do Rio Tingui
Rua Vicente Neiva
Rua Capistrano

Um dos moradores que lutam para a solução do problema do Rio Tingui, Paulo Malheiros reclama que todos esses anos não houve limpeza e busca da solução dos contantes alagamentos que acontecem quando chove.

"Pedimos limpeza das redes pluviais e drenagens no Rio Tingui com a galeria que passa na Estrada Japoré em frente ao salão de festa. Deve estar com muitos detritos e areia. A última limpeza foi 2010 e nós dependemos dessa limpeza para não termos problema de alagamento. Já fiz vários pedidos e não obtive nenhum retorno sobre o problema crônico do bairro. Prevenir é a melhor solução", avisa Paulo.
Última limpeza ocorrida em 2010.

Um dos motivos do constante alagamento é uma grande tubulação que corta a galeria do Rio Tingui, o que além de concentrar detritos, também atrapalha que águas das chuvas passem normalmente.

Tubulação que atravessa galeria do Rio Tingui

A Rio Mais Saneamento foi questionada se irá comparecer a vistoria na próxima semana, mas até a publicação dessa reportagem, não se manifestou.


Paulo criou um site que guarda o registro do trabalho realizado pela Rio-Águas em 2010. Podem ver todas as fotos, clicando aqui.

 

Torne-se um doador por apenas R$ 1 por mês. Nos ajude a manter vivo o jornalismo local. Mais informações de como fazer a doação, clique AQUI.


O Sulacap News também está no Facebook, Instagram e Twitter. Se quiser receber notícias em primeira mão, basta ingressar no canal NOTÍCIAS DO SULACAP NEWS. Para se cadastrar, basta acessar os link abaixo:


Whatsapp - clique AQUI

Comments


Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

PSS - banners sulacap-06.png
bottom of page