top of page
  • Foto do escritorDa Redação

Procon Carioca notifica supermercados Carrefour Sulacap, além de Guanabara e Atacadão de Realengo

Em seis estabelecimentos da Zona Oeste, havia produtos com data de validade vencida, publicidade enganosa, ausência de preços, dupla precificação e falta de documentação regular


Com a aproximação do Natal, o Procon Carioca, órgão vinculado à Secretaria Especial de Cidadania da Prefeitura do Rio, realizou ação de fiscalização, nestas segunda-feira e sexta-feira, 18 e 22 de dezembro, em alguns supermercados localizados na Zona Oeste do Rio. A equipe fiscalizou 7 estabelecimentos e notificou 6 por apresentarem irregularidades, como data de validade vencida, publicidade enganosa, ausência de preços, dupla precificação e ausência de documentação necessária para funcionamento.

Foram notificados os estabelecimentos Carrefour, Prezunic (2 unidades), Guanabara, Atacadão e Zona Sul. As empresas têm um prazo de 20 dias para apresentar esclarecimentos ao Instituto Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor.

Já no Swift, no Recreio dos Bandeirantes, não foram encontradas irregularidades, então a equipe de fiscais realizou somente orientações sobre a norma consumerista.


Foram notificados:

- Carrefour, em Sulacap, por ausência e/ou dupla precificação em diversos produtos, além de produtos com prazo de validade expirada.

- Prezunic, em Magalhães Bastos, por ausência e/ou dupla precificação em diversos produtos, além de produtos expostos para comercialização com embalagens impróprias e/ou danificadas.

- Guanabara, em Realengo, por ausência de precificação em diversos produtos, além de produtos expostos para comercialização com embalagens impróprias e/ou danificadas.

- Atacadão, em Realengo, por ausência de precificação em diversos produtos, além de produtos expostos para comercialização com embalagens impróprias e/ou danificadas.

- Prezunic, no Recreio dos Bandeirantes, por exposição de produtos para comercialização com embalagens impróprias e/ou danificadas.

- Zona Sul, no Recreio dos Bandeirantes, por ausência e/ou dupla precificação em diversos produtos, além de ausência de documentos necessários para funcionamento, como licenciamento sanitário e o certificado de aprovação do Corpo de Bombeiros.

Diretor-executivo do Procon Carioca, Igor Costa, ressalta a importância das ações acontecerem em todo o município e de o consumidor conferir as condições e a validade dos produtos antes de adquirir.

"A equipe está sempre atenta e percorre a cidade para garantir que o consumidor tenha seus direitos respeitados. Quaisquer dúvidas ou reclamações, basta acionar nossos canais de atendimento", afirma Igor Costa.

Os estabelecimentos citados tem espaço franqueado para se manifestarem sobre os fatos.

 

Torne-se um doador por apenas R$ 1 por mês. Nos ajude a manter vivo o jornalismo local. Mais informações de como fazer a doação, clique AQUI.


O Sulacap News também está no Facebook, Instagram e Twitter. Se quiser receber notícias em primeira mão, basta ingressar no canal NOTÍCIAS DO SULACAP NEWS. Para se cadastrar, basta acessar os link abaixo:


Whatsapp - clique AQUI

Comments


Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

PSS - banners sulacap-06.png
bottom of page