top of page
  • Foto do escritorAlexandre Madruga

Morador de Jardim Sulacap relata concentração de aranhas em casa e essas são perigosas

Picados devem ir diretamente para o Hospital Lourenço Jorge para avaliação médica

Após reportagem que fizemos sobre uma aranha "assustadora" encontrada no quintal por uma moradora do loteamento do Jardim Sulacap, outro morador relatou que rotineiramente encontra várias aranhas, de outro tipo, e que somente consegue espantá-las dedetizando toda a residência.


O Dr. Tiago Meohas, médico, ortopedista e Especialista em Acidentes com Animais Peçonhentos, identificou a aracnídea e dessa vez a notícia não é boa. A aranha em questão é uma Phoneutria, do gênero de aranhas conhecidas pelos nomes comuns de armadeira, aranha-macaco ou aranha-de-bananeira, pertencentes à família dos ctenídeos.

"A maioria dos acidentes com phoneutria nigriventer não tem grandes complicações, mas existe uma probabilidade de repercussão sistêmica do veneno. A dor gerada pelo acidente é um dos principais marcos do acidente, é uma dor muito significativa. O acidente gera risco a vida principalmente em crianças e idosos, mas existem diversos relatos de complicações graves em pessoas adultas. Requer cuidado especializados por um médico que conheça está aranha e este veneno".

Segundo o médico, não há muito o que fazer para evitar que a "armadeira" entre em casa, já que a dedetização é ineficaz para ela, pois o veneno apenas mata insetos que ela se alimenta.

"A dedetização só ajuda porque reduz alimento para ela, que são baratas e insetos. Esses venenos em geral não afastam a aranha em sim mas sua comida".

Na cidade do Rio existem muitas incidências com essa aranha, mas na Zona Oeste o número de casos pode ser maior, por ser uma região menos urbana.


Aos que forem picados pela armadeira, devem ir diretamente para o Hospital Lourenço Jorge para avaliação médica.

 

Torne-se um doar por apenas R$ 1 por mês. Nos ajude a manter vivo o jornalismo local. Mais informações de como fazer a doação, clique AQUI.


O Sulacap News também está no Facebook, Instagram e Twitter. Se quiser receber notícias em primeira mão, basta ingressar no grupo NOTÍCIAS DO SULACAP NEWS. Para se cadastrar, basta acessar os link abaixo:


Comentarios


Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

PSS - banners sulacap-06.png
bottom of page