top of page
  • Foto do escritorAlexandre Madruga

Jovem da Vila João Lopes, na Nogueira de Sá, recebe Prêmio Dandara na Alerj

A voz forte e doce da Zona Oeste surpreende quando se apresenta

Hellen Galdeano, 17 anos, negra e moradora de comunidade em Realengo, será premiada em 23 de junho pela Alerj com o Prêmio Dandara, destinado a agraciar anualmente pessoas físicas ou jurídicas que reconhecidamente tenham contribuído para a valorização da mulher negra afrodescendente, latino americana e caribenha no estado do Rio de Janeiro.


A jovem moradora da Vila João Lopes, na Nogueira de Sá, começou a cantar com 11 anos de idade, inspirada elas famosas cantoras gospel Fernanda Brum, Rose Nascimento e Bruna Karla. Sofreu bullying quando tinha 13 anos, mas se superou e seguiu em frente. Em 2018, o Sulacap News contou essa história.

O tempo passou e a hoje adolescente Hellen, ganhou destaque no mundo gospel com reconhecimento pelo talento e as lindas composições, e atualmente acumula álbuns e clipes, além de mais de 22 mil seguidores nas redes sociais.

A voz forte e doce da Zona Oeste surpreende quando se apresenta em igrejas e até autoridades, como o presidente Jair Bolsonaro e o então prefeito Marcelo Crivella, no Palácio da Cidade, quando cantou o louvor “Aleluia”, com a participação do Coro laboratório Orsina da Fonseca e a Orquestra Sinfônica Juvenil Carioca, grupo formado com alunos da rede municipal de ensino.


Mesmo tão jovem, e preocupada que outros não sofram como ela, Hellen ainda idealizou e fundou o projeto “Reflexos Gospel”, que motiva jovens que sonham em cantar e ter uma carreira profissional. Ela lembra que sempre ouvia palavras do tipo “você não vai conseguir” e “quem você acha que é?”, mas que isso a fez aprender a lidar com as críticas. O Sulacap News contou essa história em 2021.

O Prêmio Dandara, que será dado em cerimônia na Alerj, leva o nome foi uma das grandes lideranças femininas negras que lutou, junto com Zumbi dos Palmares, contra o sistema escravocrata do século XVII. Não há registro do local de seu nascimento, tampouco de sua ascendência africana. Relatos levam a crer que nasceu no Brasil e estabeleceu-se no Quilombo dos Palmares ainda menina.

 

O Sulacap News também está no Facebook, Instagram e Twitter. Se quiser receber notícias em primeira mão, basta ingressar no grupo NOTÍCIAS DO SULACAP NEWS. Para se cadastrar, basta acessar os link abaixo:


Comments


Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

PSS - banners sulacap-06.png
bottom of page