top of page
  • Foto do escritorDa Redação

Fundação Laço Rosa inaugura Escola Ponto a Ponto no Parque Shopping Sulacap

A iniciativa busca ajudar pessoas em vulnerabilidade social a aprender mais sobre corte e costura e, ao mesmo tempo, devolver a autoestima para pacientes de câncer de mama

A partir da próxima segunda-feira (21), o Parque Shopping Sulacap, em parceria com a Fundação Laço Rosa, vai receber a Escola Ponto a Ponto, uma iniciativa do instituto que busca levar conhecimento e técnica em moda para pessoas em vulnerabilidade social que, através de suas criações, podem levar mais conforto e identificação para mulheres que estão tratando o câncer de mama, isso porque a mulher que vive o câncer de mama pode passar por mudanças no corpo, afetando sua autoestima em vários aspectos, incluindo no vestuário.


Aqueles que participarem da Escola aprenderão mais sobre corte e costura e, ao final do curso, poderão criar uma roupa desenvolvida especialmente para pacientes com câncer de mama.

“Para montar a Escola Ponto a Ponto nós pensamos em implementar uma economia circular, onde as alunas aprenderão, farão seus modelos e compartilharão com as pacientes, resgatando a autoestima e empoderando todas no processo, trazendo ainda mais alunas para as próximas edições. É mais uma forma que encontramos de abraçar aqueles que precisam.”, explicou Luciana Carvalho, diretora de projetos especiais da Fundação Laço Rosa.

Não é necessário ser paciente oncológica para participar do projeto. A escola, localizada no piso 1, ao lado da Casas Bahia, receberá pessoas em situação de vulnerabilidade social, de 18 a 30 nos, com Ensino Fundamental II (1º ao 9º ano) completo e interesse em moda. Para se inscrever, basta acessar AQUI. Em seguida, haverá uma entrevista individual e então sairá o resultado. Serão formadas 2 turmas de 10 alunas.


A primeira fase da Escola Ponto a Ponto consiste em 10 aulas (carga horária de 30h) de corte e costura para iniciantes, incluindo aulas didáticas, práticas e vídeos sobre corte, costura e finalização de peças. Já a segunda fase serão aulas com convidados que vão despertar o olhar para a moda com o viés da economia circular. Serão 120h entre prática e conteúdo digital. Os convidados de relevância no cenário têxtil compartilharão conhecimentos com os alunos que, ao final do curso, vão apresentar um modelo criado do zero, com o conceito de economia circular e totalmente personalizado para uma mulher com câncer de mama. Todos receberão um certificado ao final do curso, que tem duração de 3 meses.

 

Torne-se um doador por apenas R$ 1 por mês. Nos ajude a manter vivo o jornalismo local. Mais informações de como fazer a doação, clique AQUI.


O Sulacap News também está no Facebook, Instagram e Twitter. Se quiser receber notícias em primeira mão, basta ingressar no grupo NOTÍCIAS DO SULACAP NEWS. Para se cadastrar, basta acessar os link abaixo:


Comentários


Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

PSS - banners sulacap-06.png
bottom of page