• Alexandre Madruga

Com convidado, Prelúdio 21 apresenta quarto concerto virtual neste sábado (07)

Formado pela cantora Andrea Adour e pelo violonista Fabio Adour, duo interpreta obras do grupo carioca de compositores contemporâneos

Neste próximo sábado (07), às 15h, a Série de concertos Prelúdio 21 - Música do Presente seguirá com a temporada 2020, via internet, pelo canal YouTube do Centro Cultural Justiça Federal, desta vez convidando o Duo Adour para apresentar as obras do grupo carioca de compositores. Durante a apresentação, os próprios compositores estarão disponíveis no chat do canal para conversar e interagir com os internautas. O grupo é formado por Alexandre Schubert, Caio Senna, J. Orlando Alves, Marcos Lucas, Neder Nassaro e Pauxy Gentil-Nunes. A coordenação da temporada deste ano é do compositor Marcos Lucas e o vídeo do Duo Adour teve montagem e edição de Pauxy Gentil-Nunes.

O Duo Adour conta com mais de 20 anos de experiência. Especializados em música contemporânea, a dupla enfatiza o repertório escrito originalmente para a formação, já tendo realizado diversas estreias mundiais e brasileiras de obras de variados compositores. Ambos integrantes possuem Doutorado em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e Mestrado em Música pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Andréa Adour é professora de canto na UFRJ e Coordenadora da Licenciatura em Música. Fabio Adour é Professor de Percepção Musical, Harmonia e Violão na mesma universidade e recentemente publicou o livro *Sobre Harmonia: Uma Proposta de Perfil Conceitual*.


Sete compositores se reuniram em 1998 com o intuito de divulgar sua música e a música erudita contemporânea em geral, através da organização de concertos e palestras e incluindo convidados brasileiros e estrangeiros. De lá pra cá, o grupo tem se estabelecido como um dos mais sólidos grupos de música contemporânea do país. Desde 2008, o Prelúdio 21 tem realizado sua série de concertos no Teatro do Centro Cultural Justiça Federal, contribuindo assim para a vida cultural do Rio de Janeiro. O grupo tem se apresentado ainda em espaços como o Theatro Municipal do Rio de Janeiro, a Sala Cecília Meireles e espaço Oi Futuro. O Prelúdio 21 tem sido objeto de investigação acadêmica figurando em artigos e dissertações recentes. Em 2012, o grupo foi indicado ao Grammy Latino com o seu CD “Prelúdio 21 – Quartetos de Cordas”, na categoria “Melhor Álbum de Música Clássica”.

Programa:

1. Modinha, para voz e violão (José Orlando Alves, transcrição e adaptação da peça originalmente composta em 1995 para orquestra sinfônica). Letra de José Orlando Alves e Eudes Magalhães.

2. Dois Sonetos de Victor Giudice, para soprano e violão (Marcos Lucas, 2020 - estreia). Letra de Victor Giudice.

3. Artifício, para voz, violão e eletrônica (Neder Nassaro, 2020).

4. Variações em Music Chamber, para voz e violão (Alexandre Schubert, 2020 - estreia). Letra de Eric Ponty.

5. Passatempos e Matatempos - Galáxias II, para vozes e dois violões (Pauxy Gentil-Nunes, 2010). Letra de Haroldo de Campos.

6. Crianças Negras, para voz, violão e sanfona (Caio Senna, 2020). Letra baseado no poema homônimo de Cruz e Souza). Participação especial de Caio Senna, *sanfona*.

Clique na imagem para baixar aplicativo da Rádio para celular
image1.jpg
Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

© 2020 Sulacap News

Jardim Sulacap - Zona Oeste do Rio de Janeiro - Brasil