• Da Redação

Centro Cultural Dyla Sylvia de Sá, em Jacarepaguá, é reaberto nessa sexta (04)

Geridos pela Prefeitura, Parque das Ruínas, Dyla Sylvia de Sá e Artur da Távola voltam a funcionar

A Secretaria Municipal de Cultura, reabre três centros culturais importantes da cidade, com programação ao ar livre. Parque das Ruínas (Santas Teresa), Centro Cultural Profª Dyla Sylvia de Sá (Jacarepaguá) e Centro da Música Carioca Artur da Távola (Tijuca) voltam a funcionar seguindo protocolos de segurança e com foco nas áreas externas. Os espaços estarão abertos com capacidade reduzida a 40%.


A antiga capela São Tomás de Aquino (1941), que integrava um colégio religioso no passado, transformou-se em Centro Cultural Municipal Professora Dyla Sylvia de Sá em 1992. O nome foi ideia dos moradores da comunidade em homenagem à professora Dyla Sylvia de Sá (1900-1982), que dedicou sua vida à importância da literatura na sociedade. O espaço tem um salão multiuso e uma área externa com jardim.


O Centro Cultural Municipal Professora Dyla Sylvia de Sá fica na Rua Barão 1.180, na Praça Seca. Telefone 3111-2011. Horários de funcionamento, com área de lazer infantil e adulto de quinta à sábado das 9h às 16h.


CONFIRAM A PROGRAMAÇÃO


Dança Cigana: Salão Principal. Qui, das 14h às 16h. 10 anos.


Dança do Ventre: Salão Principal. Qui, das 16h às 18h. 10 anos.


Capoeira: Jardim e Espaço Multiuso. Sex, das 14h às 16h. 5 anos.


Oficina de circo, com o palhaço Xulipa, com foco em malabares, perna de pau e rola-rola. Jardim. Sáb, das 9h às 11h. 5 anos.


Oficina de ritmos: Salão Principal. Qui, das 9h às 11h. 16 anos.


Leros, Leros e Boleros

O projeto, que faz parte da programação do centro cultural há 18 anos, reúne músicos profissionais e amadores da terceira idade em um encontro semanal.

Salão Principal. Sex, das 14h às 17h. A partir de 4 de Junho. Pessoas idosas.

Clique na imagem para baixar aplicativo da Rádio para celular
image1.jpg
Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.