• Alexandre Madruga

Autor do projeto “Rio Mais Seguro” visita associação de moradores de Sulacap


Um dos pedidos mais recebidos pela Associação de Moradores de Sulacap (AMISUL) sempre foi o aumento da segurança no bairro. No final do ano passado, foi implementado pela Prefeitura o programa “Rio Mais Seguro”, que coloca policiais militares e guardas municipais para aumentar a segurança em alguns locais. O autor do projeto na Câmara foi o vereador Marcelo Arar, que foi inaugurado em dezembro de 2017, em Copacabana, e logo depois se estendeu para o Leme. Até novembro do ano passado, o Rio Seguro já havia efetuado quase mil prisões.


No início desse ano, o programa sofreu uma expansão para a Zona Oeste, começando pela Freguesia e Taquara, em Jacarepaguá, e reforçou a segurança no bairro das 8h às 22h, com 180 agentes, entre guardas municipais e policiais militares. Segundo a Prefeitura, o programa oferece apoio à segurança pública com ações inclusive de zeladoria do município, como poda de árvores, troca de lâmpadas, limpeza e conservação urbanas.

"O projeto é de combate à criminalidade, pequenos furtos e delitos, acolhimento dos moradores de rua, ordenamento urbano. É a nível municipal. O Segurança Presente é coordenado e elaborado pelo governo do estado. Quem toca esse projeto [no município] é a Secretaria Especial de Ordem Pública, a SEOP", comentou Arar.

A presidente Renata Almeida, presidente da AMISUL, recebeu a visita de Arar, na tarde dessa sexta-feira (21) no Galpão Comunitário, para avaliar a possibilidade de estender o programa para o bairro Jardim Sulacap, seguindo moldes do que foi implantado do Rio Mais Seguro no Fundão.

“Sabemos da responsabilidade do estado, mas Sulacap tem características em que um programa de segurança com poucos policiais, mas presentes durante todo o dia, já resolveria nosso problema na sensação de segurança. Como o Arar é o idealizador do projeto, nada mais justo que a gente conversasse com ele, já que o projeto começa a atender bairros próximos ao nosso e ter um contingente do Rio Mais Seguro aqui não seria caro, já que nossa demanda por policias nas ruas não é necessário uma grande quantidade. Basta apenas uma presença mais ostensiva”, afirmou a presidente.

Ao fim da reunião ficou a promessa de Arar em cobrar a prefeitura pela implementação do projeto no bairro.

Clique na imagem para baixar aplicativo da Rádio para celular
image1.jpg
Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

© 2020 Sulacap News

Jardim Sulacap - Zona Oeste do Rio de Janeiro - Brasil