• Alexandre Madruga

Alberico Diniz em Jardim Sulacap é a terra da bandalha

A ausência de guardas municipais ajuda nas infrações sem nenhum receio

Estrada inaugurada no fim da década de 1970, a Estrada Alberico Diniz nunca passou por nenhuma reurbanização, reforma ou recapeamento de pista ao longo de todos esses anos. A pista ainda tem as famosas "boas de lobo" como ralos, projeto defasada e abandonado há décadas, por entupir as redes de águas pluviais. Calçamento é defeituoso ao longo de toda via e em alguns pontos o paralelepípedo desapareceu, ficando no mesmo nível da rua.


Iluminação sofre com constantes quedas dos postes de ferro, derrubados pelos inúmeros acidentes de trânsito e nunca repostos. A poda ainda consegue se manter ativa, graças ao trabalho rotineira da Comlurb, mas os buracos ao longo da via são uma rotina para motoristas. Alguns infratores insistem em usar a seletiva exclusiva para ônibus, que também está em estado precário, com a maioria dos pontos de parada, além da pista, alagando em dias de chuvas.

Mas a bandalha é uma triste rotina na via e já tem locais tão conhecidos, que são usados sem nenhuma cerimônia, até formando filas. Algumas infrações são perigosas, como carros pegando a contramão pela alça de saída na altura da Avenida Carlos Pontes ou atravessando a Alberico Diniz, na altura do restaurante Peixe Frito. Acontece a todo momento e multar não seria complicado, inclusive dos carros que pegam a pista auxiliar (ciclovia) próximo ao posto Shell na Rua Pacífico Pereira, visando atravessar a estrada.


O cruzamento da rua Fernandes Sampaio com Alberico Diniz, conhecido retorno do "u", agora tem sofrido com avanços de sinal e bandalhas de contramão. Não é incomum os carros fazerem contramão, vindo do lado da Rua Fernandes Sampaio e acessar a estrada no sentido Mallet.

Mortes e acidentes graves acontecem e a ausência de Guardas Municipais numa via de grande fluxo, principalmente nos horários de picos é muito sentida por todos, mas o baixo contingente de agentes para atender toda a zona oeste também não é uma novidade.


Enquanto isso, o bairro Jardim Sulacap fica sendo taxado de terra de ninguém e das bandalhas.

403 visualizações
Clique na imagem para baixar aplicativo da Rádio para celular
image1.jpg
Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

© 2020 Sulacap News

Jardim Sulacap - Zona Oeste do Rio de Janeiro - Brasil