Buscar
  • Marluce Rosa - Prof. Yoga

YOGAnews | O Yoga é ginástica?


Olá! Mais uma quinzena juntos por aqui. Que maravilha! Como vai você? Vamos papiar sobre esse postulado complexo, com escrituras sagradas que apontam em torno de dez mil anos... Definitivamente não é uma tarefa fácil definirmos o Yoga, até porque, essa ciência, esse estilo de vida é uma grande novidade para o universo ocidental. Por se tratar de uma forma de vida não no campo das ideias, mas sim experienciada, vivida em todas as suas possibilidades perceptíveis: asanas (posturas), pranayamas (respirações conscientes), relaxamento, meditação e ainda envolve entoações de mantras (cantos), Mudras (gesto psíquico) e bandha (ação física de apertar, segurar, fechar) tornando assim uma poderosa prática milenar para os tempos pós-modernos. Podemos perceber que o postulado Yogi apontado tanto nas escriturastradicionais, quanto descritos pelosSwamis mais contemporâneos, nos mostra um ordenado completo tradicional de conhecimentos trazidos dos nossos antepassados. Hoje a ciência tenta classificar o Yoga estudando seus benefícios no corpo físico, corpo mental, corpo emocional e no corpo espiritual. A ciência separa para classificar, porém, quando falamos em Yoga pensamos e vivemos esses corpos de forma sistêmica e integrados em si. Pois uma desintegração desses corpos, entramos em estado de doença onde sentimos mais no corpo físico, mas a doença se instala em todos os nossos corpos, por isso que o Yoga se torna além de uma prática preventiva também uma terapia integrativa.

E aí que vem a grande dúvida! Por colocar o corpo em ação o Yoga é um tipo de ginástica? Definitivamente não. Yoga é um estilo de vida que se apropria do corpo físico como um canal para o Autoconhecimento. Nossa identificação maior, quando iniciamos no Yoga é a massa corporal, é a massa densa. E é por ela que iniciamos esse trabalho quase como um detetive investigando o nosso corpo físico. E nada melhor que os asanas (posturas) para nos pontuar como andam as nossas emoções. Já dizia Patanjali no Hatha Yoga Pradipika: “Antes de tudo, asana é tido a primeira parte do Hatha Yoga. Tendo feito asana, a pessoa atinge estabilidade do corpo e da mente, torna-se livre de doenças e ganha leveza nos membros.”Asana é uma postura psíquica, uma postura onde paramos o nosso corpo, realizamos uma boa permanência, uma estabilidade e podemos assim ver atuar as nossas projeções mentais, nosso fluxo cardiorrespiratório, nossas limitações, possíveis rigidez articulares, musculares e percepções de si mesmo. O Yoga não tem como objetivo entreter o praticante. Muito pelo contrário! Praticar Yoga é um exercício permanentemente de desnudar-se para si mesmo, de revelar quem somos em essência, revelando como narra Jung a nossa sombra e luz. O Yoga, como princípio e objetivo maior aponta para o Autoconhecimento.

Assim sendo, não podemos substituir o Yoga por ginástica, por dança, por corrida, por pilates, por mergulho, por musculação. O fundamento do Yoga não é apenas colocar o corpo em movimento, pois o postulado Yogi aponta um caminho de auto-observação e autoestudo através de uma vasta literatura que fundamenta aprática. Deixo claro que todas as atividades físicas são importantíssimas dentro do que elas se propõem a fazer, porém, devo ressaltar o lugar devido que cabe ao Yoga em nosso viver: que é nos dizer, de forma vivida, que a natureza da nossa mente é meditativa e contemplativa. Praticar Yoga e ir se tornando um Yogi entendendo que somos o agente da ação e também o observador. Com essa atitude Yogi, vamos acessando quem já somos em essência e literalmente vivendo em Santosha (contentamento).

“Só aquele que experimentou em si mesmo a metodologia do Yoga pode orientar o outro, oferecendo um procedimento organizado e seguro.” GangadharaSaraswati

Marluce Rosa (CREF 028352- G/RJ) é Profissional de Educação Física, Pedagoga especialista em Psicomotricidade e Professora de Yoga no Espaço LumarceYoga

#Yoga

0 visualização
Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

© 2018 Sulacap News

Jardim Sulacap - Zona Oeste do Rio de Janeiro - Brasil