• Benilce Benvindo - Assistente Social

SERVSOCIALnews | Articulação familiar e comunitária, só quem vive é que sabe


Um tema que me aflige muito no meu contexto profissional são as críticas que adentram nossos lares e o de outras famílias, em se tratando de famílias que moram em comunidades para muitos a compreensão é praticamente impossível, eu não moro em comunidade, moro no bairro que tem origem esse jornal no qual escrevo isso é claro não me isenta de críticas como todo ser humano, sou criticada sofro interferências alheias que nada sabem sobre mim ou minha família. Agora vamos ao ponto central do artigo e sobre as famílias que moram em comunidade, muitos criticam, muitos condenam, muitos tem preconceito e outras tantas oposições, eu os faço uma pergunta. Como será criar e educar filhos vivendo em uma comunidade?

Caros leitores é muito difícil, são tantos os obstáculos e tentações que tem que ter muito jogo de cintura, trabalhar muito e demonstrar muita capacidade de articulação, não pensem que a facilidade é algo comuns a todos não, muitas famílias honestas, corretas e de grande sabedoria estão lá, criando seus filhos com dignidade e respeito, famílias que já estão na terceira geração, que demonstram o quanto são guerreiras e acima de tudo honestas.

Tenho vivido essa experiência não é de hoje, minha intervenção profissional me proporcionou isso e tenho um orgulho enorme dessas famílias, pois muito aprendi com elas muito mais do que ensinei. E hoje trago a tona essa reflexão com base nos atendimentos realizados nesse local e com essa população atendida. Portanto minha base é real é verdadeira, e nesse sentido que reforço que não temos capacidade nenhuma de julgar e criticar o outro sem que de fato estivermos vivendo aquela situação.

Eu honro muito essas famílias, pois acompanhei seus filhos enquanto crianças e hoje são adultos honestos que trabalham e buscam melhorar a qualidade de vida de seus familiares, que apesar da falta de recursos, da falta de respeito e diante de tantos preconceitos e críticas conseguiram seguir em frente, se articulando com honestidade e dando a volta por cima, tenho enorme gratidão a vocês, me ensinaram muito e continuam me ensinando.

Essa reflexão tem como base minha experiência profissional numa instituição próxima a uma comunidade da zona norte da cidade maravilhosa.

Entender que o outro possa ter mais dificuldades que você o torna menos crítico menos julgador e menos preconceituoso, só vivendo para sentir a dor do outro.

Meu nome é Benilce, sou Assistente Social pela Universidade Castelo Branco, Especialista em terapia de família pela Universidade Candido Mendes e Historiadora pelas Faculdades Integradas Simonsen.

Meu contato: valeubere@hotmail.com

#ServiçoSocial

Clique na imagem para baixar aplicativo da Rádio para celular
image1.jpg
Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

© 2020 Sulacap News

Jardim Sulacap - Zona Oeste do Rio de Janeiro - Brasil