Buscar
  • Alexandre Madruga

Light tem esquema especial para minimizar possíveis efeitos dos temporais


Concessionária vai aumentar em 30% do efetivo para o verão 2018

A Light aumentou em 30% o efetivo de equipes técnicas para atuar na temporada de verão da cidade. O plano da empresa engloba uma série de ações preventivas e emergenciais focadas em minimizar os possíveis efeitos dos temporais, comuns neste período, e das sobrecargas decorrentes do aumento do consumo de energia da estação provenientes das ligações clandestinas.

Os fortes ventos e a chuva intensa típicas dos temporais de verão provocam uma série de ocorrências em função da queda de objetos e árvores sobre a rede elétrica. Nesse tipo de situação os prazos para a normalização do serviço dependem da complexidade de cada caso e também da parceria com órgãos públicos como Comlurb, Centro de Operações da Prefeitura e Corpo de Bombeiros.

No último temporal do dia 24, em duas horas, a energia já havia sido restabelecida para 60% dos casos. Nesses casos, a prioridade de atendimento é dado aos serviços considerados essenciais como hospitais e centros de abastecimento de água, delegacias, por exemplo.

O centros de operação da Light vão receber o dobro de profissionais do que o número normal para fazer, em tempo real e por meio de painéis automatizados, a gestão de todas as ocorrências de média e baixa tensão, dos serviços das equipes de campo e dos circuitos elétricos, podendo, inclusive, realizar qualquer tipo de intervenção nas linhas de distribuição de modo automático e remoto.

Investimentos na rede de distribuição

A Light investiu cerca de R$ 400 milhões, no ano de 2017, em sua rede de distribuição de energia. Durante todo o ano, os recursos foram direcionados para ações de manutenção preventiva, principalmente nas inspeções e manutenções das redes de distribuição, além da execução de podas e da intensificação da utilização da técnica de termografia, que identifica, de forma antecipada, pontos quentes na rede que possam gerar possíveis interrupções no fornecimento de energia elétrica. Ao todo, foram feitas mais de 200 mil podas de galhos que estavam interferindo na rede elétrica e 328 inspeções termográficas.

As linhas aéreas e subterrâneas de alta tensão foram inspecionadas, com substituições e reparos em equipamentos. Na rede subterrânea, foram substituídos 573 transformadores e 564 chaves foram modernizadas para dar mais conforto e confiabilidade ao sistema.

Já nas linhas de distribuição aéreas, foram instalados mais de 1.200 novos equipamentos para melhorar o desempenho da seletividade nos trechos que ocorrerem falhas, restringindo ao máximo a interrupção de clientes afetados na área do defeito. Parte desses equipamentos compõem sistemas de auto configuração (self healing) que são responsáveis por manobras das redes de distribuição sem a interferência humana, reduzindo significativamente o tempo de restabelecimento.

Serviço:

• Para informar falta de luz, “Light já” - envie o Código da Instalação por SMS para o nº 54448; Ou pelo Twitter, enviando por DM (mensagem direta) para o @lightclientes #luz número da instalação

• Agência Virtual (www.light.com.br);

• Aplicativo Light Clientes para iPhone, Windows Phone e Android (gratuito na App Store, Windows Marketplace e Google Play);

• Redes Sociais (twitter/lightclientes e facebook/lightclientes);

• Disque-Light Emergência (0800 021 0196);

• Disque-Light Comercial (0800 282 0120).

#Light

0 visualização
Ajude a manter vivo o Jornalismo Local

Pedimos sua contribuição para mantermos um jornalismo profissional, valorizando informações qualificadas, contra fake news e dando voz a nossa região. Somente com seu apoio e ajuda financeira, conseguiremos continuar trabalhando para todos vocês, que confiam na nossa missão.

© 2018 Sulacap News

Jardim Sulacap - Zona Oeste do Rio de Janeiro - Brasil